Skip to content Skip to navigation

Informe sobre Bolsas Capes

CApes

ATENÇÃO!

Relembramos que a CAPES não realiza pagamentos retroativos de bolsa quando o motivo do pedido de pagamento for um dos listados abaixo:

1. Bolsista que abre conta-corrente e não vai à agência bancária antes do fim do mês de início da bolsa SE CERTIFICAR QUE A CONTA ESTÁ ATIVA. Exemplo: início da bolsa em maio, o aluno tem que comparecer na agência para saber se a conta está ATIVA antes que o mês acabe, por volta do dia 25 de maio, para resolver qualquer eventual pendência. Não adianta neste exemplo o aluno ir ao banco já em junho, a CAPES já terá depositado o pagamento, este já terá retornado e como estamos informando a CAPES não vai mais pagar retroativo.

2. Bolsista que teve bolsa anterior e “esqueceu” de solicitar seu cancelamento. Ocorre geralmente quando o aluno de mestrado recebe bolsa mas não verifica se sua bolsa de iniciação científica da graduação foi cancelada. Assim que o aluno assina a ficha de cadastro da bolsa CAPES ele deve IMEDIATAMENTE VERIFICAR COM SEU ORIENTADOR OU QUEM QUER QUE SEJA SE SUA BOLSA INICIAÇÃO CIENTÍFICA ESTÁ REALMENTE CANCELADA. E SE NÃO ESTÁ, REALIZAR ESTE CANCELAMENTO ANTES DO PRAZO DE FECHAMENTO DO SISTEMA NAQUELE MÊS. Seguindo o exemplo acima, não adianta o aluno só correr atrás deste cancelamento da bolsa de graduação após o fechamento do sistema em maio, a CAPES já terá depositado o pagamento, este já terá retornado e como estamos informando a CAPES não vai mais pagar retroativo.

3. Bolsista que muda agência e conta fora dos prazos. O aluno que já é bolsista não pode alterar sua conta no momento em que quiser. Se precisa alterar dados ou transferir a conta de uma agência para outra, deve comunicar ANTES à PROPPI-DPSS sobre sua intenção e com a informação de quando pode fazê-lo, aí sim realizar a operação.

4. BOLSISTA QUE ESTÁ COM CONTA BLOQUEADA POR PROBLEMAS JUDICIAIS OU POR DÉBITO COM O PRÓPRIO BANCO DO BRASIL.

Em todos estes casos a CAPES considera que é responsabilidade / obrigação do aluno atender às normas da CAPES, ou seja, que ele deve ter total atenção à situação de sua conta e sobretudo mais atenção ainda a bolsas anteriores que devem ser canceladas e não deixadas em aberto.

Com este informe a PROPPI – DPSS se exime de qualquer responsabilidade caso o bolsista com algum dos quatro problemas acima não receba a mensalidade pendente. Na UFF, há mais de 1.500 bolsistas CAPES em todos os cursos de PG e, por conta deste número, a tarefa de passar estas instruções foi transmitida aos Programas de PG. Como os problemas continuam acontecendo, solicitamos que reforcem a comunicação aos alunos bolsistas.